Filmes assistidos em Abril

Foi-se um terço do ano. Assustador, não é? Esse mês trabalhei pesado em um artigo, comecei uma disciplina, adiantei uns filmes para gravações futuras e fui a pouquíssimas cabines. Vida que segue, abaixo estão os filmes assistidos durante o mês com links para as postagens e notas subjetivas.

Helena Ignez

A Miss e o Dinossauro (2005) ★★★★

Canção de Baal (2007) ★★★

O Bandido da Luz Vermelha (1968) ★★★½

Luz nas Trevas: A Volta do Bandido da Luz Vermelha (2010) ★★★½

Feio, Eu? (2013) ★★½

Ralé (2016) ★★★½

A Garota do Calendário (2017) ★★★½

 

Liv Ullmann para Feito por Elas 

Encontros Privados (Enskilda samtal, 1996) ★★½

Infiel (Trolösa, 2000) ★★★

Miss Julie (2014) ★★★½

 

Céline Sciamma para Feito por Elas

Lírios d’água (Naissance des pieuvres, 2007) ★★★★

Tomboy (2011) ★★★★½

 

Nancy Meyers para Feito por Elas

Do Que as Mulheres Gostam (What Women Want, 2000) ★★★

Simplesmente Complicado (It’s Complicated, 2009) ★★½

Operação Cupido (The Parent Trap, 1998) ★★★½

 

52 Films by Women

Madame (2017) ★★★

 

Todd Haynes

Longe do Paraíso (Far From Heaven, 2002) ★★★★½

Mal do Século (Safe, 1995) ★★★★

 

Lançamentos

Deixe a Luz do Sol Entrar (Un Beau Soleil Intérieur, 2017) ★★★

Um Lugar Silencioso (A Quiet Place, 2018) ★★★★

Construindo Pontes (2017) ★★★½

Baronesa (2017) ★★

Wild Wild Country (2018) [minissérie] ★★★½

The Rachel Divide (2018) ★★★½

 

Demais

O Monstro da Lagoa Negra (Creature from the Black Lagoon, 1954) ★★★½

Linha de Montagem (1982) ★★★★

Grande Hotel (Grand Hotel, 1932) ★★★½

 

27 filmes assistidos

Share
Category: Cinema | Tags: