Filmes Assistidos em Junho

mary_and_max10 Quando eu entrei no mestrado me falaram que eu não teria mais tempo para ler livros de literatura, apenas os técnicos. Mas eu continuo lendo eles e alguns quadrinhos também. Depois me falaram que seria melhor eu interromper a produção de textos para a minha coluna e para o blog, porque não daria conta. Não parei. Além disso, com o mestrado vieram um grupo de pesquisa, dois projetos de extensão e uma série de atividades extras, fora as minhas cotidianas, pessoais e domésticas. Tudo isso para dizer que o malabarismo com meu tempo tem sido grande. Mas não estou reclamando: o ritmo meio louco coloca uma intensidade no cumprimento de metas que é até bom. Esse mês me dediquei a terminar um rascunho do primeiro capítulo da minha dissertação para poder qualificar (embora qualificações estejam suspensas em virtude da greve nas universidades federais). Meu HD externo continua com problema e o computador também, de maneira que passei o mês meio que descansado a cabeça de ver filmes de maneira temática, basicamente explorando o catálogo da Netflix e alguns filmes que tenho cópia física. Dito isso, foi um mês relax para filmes. Não foram muitos, mas foram o suficiente. Segue abaixo a lista dos assistidos, avaliados de zero a cinco estrelas.

As Aventuras de Tintim (The Adventures of Tintin, 2011) ★★★

Anna Karenina (2012) ★★★★

Ex Machina (2015) ★★★★

Força Maior (Force, Majeure, 2014) ★★★★

O Segredo da Cabana (Cabin in he Woods, 2012) ★★★½

Vampiros de Almas (Invasion of the Body Snatchers, 1956) ★★★★

Horror em Amityville (The Amityville Horror, 1979) ★★

Mary e Max: Uma Amizade Diferente (Mary and Max,2009) ★★★★★

Casa de Bambu (House of Bamboo, 1955) ★★★

Flor Brilhante e as Cicatrizes da Pedra (2013) ★★★★

Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros (Jurassic World, 2015) ★★★

Picnic na Montanha Misteriosa (Picnica at the Hanging Rock, 1975) ★★★½

Ressaca de Amor (Forgetting Sarah Marshall, 2008) ★★

Tiros na Broadway (Bullets Over Broadway, 1994) ★★★★

Testament of Youth (2014) ★★★★½

Poderosa Afrodite (Mighty Aphrodite, 1995) ★★½

Quanto Mais Quente Melhor (Some Like it Hot, 1959) ★★★★★

Para Sempre Alice (Still alice, 2014) ★★★½

Um Conto Chinês (Un Cuento Chino, 2011) ★★★½

Serena (2014) ★★

Enquanto Somos Jovens (While We’re Young, 2015) ★★★½

Colateral (Collateral, 2004) ★★★½

Pixels (2010) ★★★

Monster (2005) ★★★★

Kung Fury (2015) ★★

 

25 filmes assistidos

 

Share

Isabel Wittmann

Catarinense, 33 anos, louca por bichos, feminista. Hoje mora em São Paulo, mas já passou uns anos no Amazonas. Crítica de cinema, doutoranda em Antropologia Social, podcaster e pesquisadora de gênero.