Melhores Filmes de 2019

Também conhecido como “os filmes que eu mais gostei de ver”, portanto algo bastante pessoal. Novamente não fiz repescagem em dezembro, porque estou cansada e não quis correr atrás do que deixei pelo caminho. Esse ano, incluindo coberturas de festival, debates e mediações, atividades acadêmicas, artigos e atividades de docência. Sobre essa retrospectiva, como sempre, não tomei grande cuidado ao ordenar os filmes e depois do décimo já não obedecem mais ordem alguma (e sinceramente não vou me preocupar com isso). Optei por deixar desse jeito mesmo. Tem de tudo um pouco: filme do Oscar, filme que vi em festival, farofas gostosas, uns mais instigantes ou divisivos. Engraçado Scorsese, um dos meus diretores preferidos, ficou de fora. Talvez entrasse em uma lista maior, não sei. Fecho o ano 342 filmes assistidos (o maior número nos últimos sete anos), mas dos quais apenas 269 são longas (provavelmente o menor número na década). Lançamentos, se eu computei corretamente, foram 110. Levei em conta tanto filmes que passaram no cinema quanto os que chegaram diretamente em homevideo e VoD. Colo junto como os escolhidos a avaliação que dei quando assisti, de zero até cinco estrelas. Filmes sobre os quais escrevi ou gravei podcast a respeito tem link para o texto no título. Para ver essa lista no Letterboxd, acesse aqui. Para ver essa lista no Letterboxd, acesse aqui.

A Vida Invisível (2019)

Direção: Karim Aïnouz

★★★★★

Dor e Gloria (Dolor y Gloria, 2019)

Direção: Pedro Almodóvar

★★★★½

Nós (Us, 2019)

Direção: Jordan Peele

★★★★½

Parasita (Gisaengchung, 2019)

Direção: Bong Joon Ho

★★★★½

Rocketman (2019)

Direção: Dexter Fltcher

★★★★½

Bacurau (2019)

Direção: Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles

★★★★½

A Favorita (The Favourite, 2018)

Direção: Yorgos Lanthimos

★★★★½

Se a Rua Beale Falasse (If Beale Street Could Talk, 2018)

Direção: Barry Jenkins

★★★★½

Assunto de Família (Manbiki kazoku, 2018)

Direção: Hirokazu Koreeda

★★★★

Fora de Série (Booksmart, 2019)

Direção: Olivia Wilde

★★★★

Fé Corrompida (First Reformed, 2017)

Direção: Paul Schrader

★★★★

Vidro (Glass, 2019)

Direção: M. Night Shyamalan

★★★★

A Música da Minha Vida (Blinded By the Light, 2019)

Direção: Gurinder Chadha

★★★★

Rainha de Copas (Dronningen, 2019)

Direção: May el-Toukhy

★★★★

A Sombra do Pai (2018)

Direção: Gabriela Amaral Almeida

★★★★

Mormaço (2018)

Direção: Marina Meliande

★★★★

Sorry to Bother You (2018)

Direção: Boots Riley

★★★★

Midsommar (2019)

Direção: Ari Aster

★★★★

Temporada (2018)

Direção: André Novais Oliveira

★★★★

Poderia Me Perdoar (Can You Ever Forgive Me?, 2018)

Direção: Marielle Heller

★★★★

Share

Melhores filmes de 2017

Primeiramente devo dizer que falhei miseravelmente em fazer uma lista de melhores esse ano. Primeiro porque minha repescagem de dezembro foi pro espaço, mais por preguiça do que por qualquer outra razão: quando acabei meus compromissos principais, estava tão cansada que não quis fazer nada remotamente parecido com trabalho. Depois, eu tive um punhadinho de filmes que amei, mais um tanto que eu gostei bem. Só que esses segundo são muitos e não os destaco o suficiente para fazer questão de incluí-los ou retirá-los. Enfim, em meio a essa bagunça, já tive entre 23 e 32 filmes listados (quando geralmente são apenas 20). Optei por deixar desse jeito mesmo. Digamos que talvez eu tenha um top 5 e aí uma lista de menções honrosas com um apanhado de alguns filmes do Oscar, outros mais instigantes, uns feel good bacanas e uns divertidos que talvez sejam esquecíveis. Não estou bem certa nem da ordem em que os filmes estão dispostos (e sinceramente não vou me incomodar com isso). Fecho o ano 263 filmes assistidos (o menor número nos últimos cinco anos) dos quais 106 são lançamentos (o maior número da vida, talvez?). Levei em conta tanto filmes que passaram no cinema quanto os que chegaram diretamente em homevideo e VoD. Colo junto como os escolhidos a avaliação que dei quando assisti, de zero até cinco estrelas. Filmes sobre os quais escrevi ou gravei podcast a respeito tem link para o texto no título. Para ver a lista com todos os filmes lançados esse que eu vi, clique aqui. Para ver essa lista no Letterboxd, acesse aqui. A Criada (The Handmaiden, 2016) Direção: Chan-Wook Park ★★★★★ Grave (Raw, 2016) Direção: Julia Ducournau ★★★★★ Era o Hotel Cambridge (2017) Direção: Eliane Caffé ★★★★½ A Qualquer Custo (Hell or High Water, 2016) Direção: David Mackenzie ★★★★½ Paterson (2016) Direção: Jim Jarmusch ★★★★½ Mulher-Maravilha (Wonder Woman, 2017) Direção: Patty Jenkins ★★★★½ Mãe! (Mother!, 2017) Direção: Darren Aronofsky ★★★★ As Duas Irenes (2017) Direção: Fabio Meira ★★★★ A Cidade Onde Envelheço (2016) Direção: Marília Rocha ★★★★ Mulheres Divinas (The Divine Order, 2017) Direção: Petra Volpe ★★★★ Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas (Professor Marston and the Wonder Women, 2017) Direção: Angela Robinson ★★★★ Loving (2016) Direção: Jeff Nichols ★★★★ Z: A Cidade Perdida (Lost City of Z, 2017) Direção: James Gray ★★★★ Colossal (2016) Direção: Nacho Vigalondo ★★★★ O Ornitólogo (2016) Direção: João Pedro Rodrigues ★★★★ Personal Shopper (2016) Direção: Olivier Assayas ★★★★ Moonlight: Sob a luz do luar (Moonlight, 2016)  Direção: Barry Jenkins ★★★★ La La Land: Cantando estações (La La Land, 2016) Direção Damien Chazelle ★★★★ Corra! (Get Out, 2017) Direção: Jordan Peele ★★★★ O Estranho que Nós Amamos (The Beguiled, 2017) Direção: Sofia Coppola ★★★★ Estrelas Além do Tempo (Hidden Figures, 2016) Direção: Theodori Melfi ★★★★ Dunkirk (2017) Direção: Christopher Nolan ★★★★½ A Guerra dos Sexos (Battle of the Sexes, 2017) Direção: Valerie Faris, Jonathan Dayton ★★★★ Mulheres do Século 20 (20 Century Women, 2016) Direção: Mike Mills ★★★★ Eu, Daniel Blake (I, Daniel Blake, 2016) Direção: Ken Loach ★★★★ Sete Minutos Depois da Meia-Noite (A Monster Calls, 2016) Direção: J.A. Bayona ★★★★ Okja (2017) Direção: Bong Joon Ho ★★★★  
Share