Invocação do Mal (The Conjuring/2013)

Assistido em 12/10/2013

Esse ano tem sido um de explorar um pouco gêneros que dizia não gostar, como comédia e terror. É bom porque você descobre que não gostava porque estava vendo os filmes errados. Conforme já mencionei em textos sobre vários outros filmes, não costumo me impressionar facilmente com filmes de terror que envolvem o sobrenatural, devido ao meu ceticismo sempre presente. Mas Invocação do Mal é um filme muito bem feito. O diretor, James Wan, construiu um mundo em que fenômenos de assombração são quase críveis.  O longo tem como protagonistas o casal Ed (Patrick Wilson) e Lorraine Warrick (Vera Farmiga), que foram investigadores de fenômenos paranormais na vida real. Supostamente a história é real. A família Perron, constituída pela mãe Carolyn (Lili Taylor), o pai Roger (Ron Livingston) e uma escadinha de crianças (sete, no total) acabou de se mudar para uma casa em que mortes haviam acontecido e passam a perceber coisas estranhas acontecendo.  Wan coloca na trama uma boneca, elemento que parece sempre fazer parte de seu repertório. O suspense se constrói adequadamente, os efeitos especiais são bons e o figurino de época é bem feito. Vera Farmiga, como sempre, está ótima em cena. O filme funciona muito bem, apenas escorregando quando mostra os elementos ao invés de manter a tensão no desconhecido. Ainda assim houve momentos em que fiquei verdadeiramente tensa e com medo. A direção é competente e as cenas são muito bem filmadas.

O triste é acabar de ver, pesquisar sobre o casal Warrick e voltar à realidade (do charlatanismo).

the-conjuring-poster

Share